Page Nav

HIDE
{GRID_STYLE}
{TRUE}
{HIDE}

Páginas

{fbt_classic_header}

ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

latest

COLÉGIO OBJETIVO

Aluguel direto com proprietário contribui para ação de criminosos

Novo "modus-operandi" dos criminosos que estão alugando imóveis em regiões ou condomínios onde pretendem cometer assaltos e roubos...

Novo "modus-operandi" dos criminosos que estão alugando imóveis em regiões ou condomínios onde pretendem cometer assaltos e roubos
Ex-Diretor do Corintians foi vítima esta semana, tendo seu imóvel invadido, deixando um prejuízo de mais de R$ 140 mil e joias roubadas

Apartamento no bairro de Moema, em São Paulo, foi alvo de ação de criminosos | Google Street View

Muitos proprietários de imóveis espalhados pelo Brasil, preferem gerir pessoalmente o aluguel de seus imóveis, buscando evitar o pagamento de uma taxa em média de 10% sobre o valor mensal do aluguel, cobrado pelas imobiliárias para administração e gerenciamento de imóveis, um valor extremamente pequeno, que pode evitar prejuízos enormes à sociedade.

Essa prática tem trazido inúmeros prejuízos à população, pois não entendem que o trabalho desempenhado pelos profissionais imobiliários, os Corretores de Imóveis, é de imprescindível importância para evitar que a sociedade seja alvo de criminosos, que a cada dia tem se especializado em cometer delitos que trazem grandes resultados financeiros para as facções, bem como enormes prejuízos às vitimas, que na maioria das vezes não conseguem recuperar seus bens ou parte deles.

A importância de se contratar uma imobiliária idônea e devidamente registrada nos Conselhos Regionais de Corretores de Imóveis espalhados por todo o Brasil, é que o proprietário do imóvel tenha não só a garantia de receber seus aluguéis, como também proporcionar a segurança necessária na transação de aluguel, promovendo todos os procedimentos obrigatórios nas consultas cadastrais, como a exigência da documentação mínima necessária, que na maioria das vezes inibe ações criminosas como aconteceu com o ex-diretor do Corinthians, Jorge Kalil.

A polícia civil conseguiu prender uma mulher, suspeita de participar da invasão do apartamento do ex-diretor do Corinthians, o médico, Jorge Kalil, no início de Abril.

Para invadir o imóvel do ex-dirigente do Corinthians, os criminosos alugaram um apartamento, no mesmo prédio do médico, localizado em Moema, na zona sul de São Paulo.

O plano para invadir o imóvel começou no dia 23 de março. Segundo as investigações, a quadrilha precisou de quatro visitas para cometer o crime. Uma mulher, identificada como Camila Mathias de Paula, visitou o apartamento, que estava para alugar, na companhia da síndica do prédio.

No dia primeiro de abril, Camila voltou ao condomínio com todos os documentos necessários para alugar o imóvel e mais R$18.000,00, em dinheiro, que seria o calção para o aluguel. No dia 05 de abril, a mulher retornou ao edifício com um prestador de serviço, para instalação de uma cortina.

Aproveitando o feriado prolongado, no dia oito de abril, Camila chegou ao condomínio em um Toyota Corolla, de cor prata, com outros dois homens, identificando-se como nova moradora de um apartamento. Ela teve a entrada liberada pelo porteiro do prédio.

O trio subiu de elevador até o apartamento alugado, no oitavo andar do edifício. Na sequência, os três subiram, de escada, até o 13º andar, onde mora Jorge Kalil. O médico não estava em casa no momento do crime.

O imóvel foi aberto sem arrombamento. Os suspeitos ficaram cerca de uma hora dentro do apartamento de Kalil e saíram com uma mala de viagem. Foram levados do apartamento 140 mil reais, 15 mil dólares (R$ 75,8 mil na conversão de valores), 10 mil euros (R$ 55,4 mil na conversão), diversas joias, 20 relógios de pulso, oito canetas Mont Blanc, entre outros bens de grande valor.

Após o roubo, policiais civis da 2ª Seccional Sul, passaram a investigar o roubo e constataram que os documentos usados para o aluguel eram falsificados.

Com as imagens da suspeita, os policiais conseguiram identificar a mulher como sendo Camila Mathias de Paula. Ela foi presa e confessou que foi usada pela quadrilha para alugar o imóvel. Com a mulher, os policiais localizaram R$2.800,00.

A polícia civil agora trabalha para identificar os outros dois suspeitos do crime.

O advogado de Camila, Reinalds Klemps informou em nota que "a prisão da Camila foi uma resposta e não solução para o caso. Ela foi utilizada como peça descartável por terceiros que possuem expertise em crimes patrimoniais. Camila não orquestrou, não organizou e apenas foi um peão na empreitada. Importante destacar que a Camila não possui antecedentes criminais e jamais foi processada ou investigada por qualquer crime anterior aos fatos. Entendemos que a sua prisão é desproporcional e fere o princípio da presunção da inocência. Esperamos que tão logo seja possível a sua liberdade, seja aceita pelo juízo que conduz o caso".

Como podem ver, a intermediação de um Corretor de Imóveis é de imprescindível importância para evitar que a sociedade como um todo, pois, tanto proprietários, quanto inquilinos, são beneficiados, os proprietários com a segurança da administração do seu imóvel e recebimento de seus aluguéis, e os inquilinos de alugarem um imóvel de origem legal.

FONTE: R7 e Jornalista Anderson Miranda | EDIÇÃO: ANDERSON MIRANDA

Nenhum comentário

Agradeço pelo seu comentário! Sua contribuição é de grande importância para o sucesso do meu trabalho!

INFER-32 & CANAÃ TELECOM

Popular Posts